Eu posso ser feliz ?

3 dez

Se você anda se perguntando isso ultimamente, para! Por favor. Eu te peço, pare de ficar se questionando.
A busca por uma vida saudável não pode entrar na lista do que “eu devo fazer pra ser feliz”. Veja bem, não estou dizendo que se você conquista o corpo dos seus sonhos você tem que ficar triste e deprimida. O que eu quero dizer é que você pode ser MUITO FELIZ da maneira que quiser. Se você tem a auto-estima baixa e quer dar um upgrade no corpitcho, vai em frente. Mas não é porque você tem umas gordurinhas sobrando nas costas, na barriga ou no culote que vai se sentir triste e deprimida, né?
Primeiramente, estamos todas aqui pela busca do saudável, do bem estar. Por cauda disto, estamos fazendo reeducação alimentar e fazendo muito exercício, seja em casa ou na academia. E aposto com vocês que, mesmo conquistando o corpo que queremos, vamos permanecer nos esforçando na malhação e cuidando daquilo que ingerimos. Sem neuroses!
Acho importante contar pra vocês, leitores frequentes do blog, que nós somos felizes, sim. Queremos ser melhores do que somos, mas somos felizes! Se você acha que é impossível ser feliz, transmitir felicidade e receber isso de volta mesmo com gordurinhas pulando pra fora da roupa, ou um papinho junto ao queixo, você está muito enganado. Óbvio que isso pode te incomodar, mas te impedir de ser feliz???? Que absurdo é esse! Não! Não deixem NUNCA isso acontecer. Quando começarem a se entristecerem quando uma calça tá meio apertada e pula aquela gordurinha, transforma isso em força pra correr atrás do “prejuízo”.
E pra mostrar que, mesmo com gordurinhas e papos podemos ser felizes, mostro a vocês o vídeo do meu casamento, que foi no dia 19/10.😀


Beijos,
Fran!😉

3 Respostas to “Eu posso ser feliz ?”

  1. magreletecintia 6 de dezembro de 2012 às 3:10 pm #

    Fiz um vídeo contando minha história, onde falo exatamente isso… gordinha sim, desleixada, não!

    Super amei seu vídeo de casamento. Muito bem feito. Amei!🙂

    Beijinhos.
    Cíntia Milanese

    • Tami 11 de dezembro de 2012 às 5:32 pm #

      Sensacional o seu exemplo Fran! Parabéns! O seu post é muito verdadeiro.

  2. Kris Reis 7 de dezembro de 2012 às 7:08 pm #

    Gordurinhas não fazem de nós,gordos infelizes,quer dizer,a vida não acaba por isso,podemos ser bonitas ainda assim. Se não gostamos de ser assim,ou não nos incomodamos e simples,e só mudar pra melhor né?
    Gostei do blog flor,vou passar aqui mais vezes! Beijos.
    http://menosemelhorne.blogspot.com.br
    http://alt-3.blogspot.com.br/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Sob Nova Medição

NO PAIN, NO GAIN!

gostosinhas

cozinha light e feliz

Reeducando meu corpo

tudo sobre alimentação, atividade física, moda, esmaltes...

Nutricionista Giovana Guido

Nutrição Esportiva & Saúde

Por 365 Dias

Um dia de cada vez.

Adeus, Gorducha!

Diário sobre Reeducação Alimentar, Atividade Física, Recuperação de Autoestima, Superação e Conquista!

O fantástico mundo de Camila

"Se quer viver uma vida feliz, amarre-se a uma meta, não às pessoas e nem às coisas"

Passive Aggressive Abuse

the insanity of passive aggression

60-Day Beast Mode x2

Push Hard | Stay Dedicated

Diário Cardápio

Adeus efeito sanfona!

Sea of Dreams and Ambitions

The greatest WordPress.com site in all the land!

The Urban Goddess

Gin and (Green) Juice

In it for the Long Run

searching for balance in a pair of purple kicks

The WordPress.com Blog

The latest news on WordPress.com and the WordPress community.

%d blogueiros gostam disto: